segunda-feira, 22 de julho de 2013

C.S. Lewis - O leão, a feiticeira e o guarda-roupa



Sobre: Viagens ao fim do mundo, criaturas fantásticas e batalhas épicas entre o bem e o mal - o que mais um leitor poderia querer de um livro? O livro que tem tudo isso é O leão, a feiticeira e o guarda-roupa, escrito em 1949 por Clive Staples Lewis.


Opinião: Durante algumas semanas embarquei em uma história narrada com uma linguagem simples, porém detalhada, sobre um reino chamado Nárnia. Nesse primeiro livro da série As Crônicas de Nárnia escrito por C.S. Lewis, sendo o segundo na ordem cronológica, conhecemos Lúcia, Edmundo, Susana e Pedro - quatro irmãos que por conta dos ataques aéreos causados pela Segunda Guerra Mundial, se mudam para a mansão de um Professor no interior. 

O que parecia ser muito chato, para os quatro irmãos tornara-se uma aventura. Através de um guarda-roupa, eles embarcam em um novo reino nada parecido com o nosso, onde há animais que falam e outras criaturas fantásticas.

Gostei bastante da leitura pela sua simplicidade e pela mensagem passada pelo autor no decorrer das páginas do livro. Uma mensagem de amor, perdão e salvação para àquele que para muitos não merece perdão. 
Gostei de todos os personagens, sem ter tido um preferido. O autor conseguiu mostrar também a personalidade de cada um, o que às vezes muitos não conseguem. Percebi que dos irmãos, Susana é a mais frágil e temerosa, o que pode implicar muitas coisas no decorrer da série. 

Terminei de ler hoje dentro do ônibus à caminho da casa da minha irmã no meio de um engarrafamento do Campinho até a Taquara (RJ). Foi um bom passatempo. É sempre bom ter um livro na mochila para momentos como esse. 

Agora já comecei a ler O Cavalo e seu Menino, que logo escreverei sobre, aqui.

Tiago Vieira.


Um comentário:

  1. Li a primeira história do volume único, mas ainda não consegui continuar. Achei um pouco cansativa, por isso não deu vontade de pegar de novo, mas pretendo ler o livro todo ainda este ano.

    Beijos

    ResponderExcluir